A Comissão tem manifestado, de forma frequente e constante, as suas sérias preocupações quanto aos regimes de concessão de cidadania e de residência a investidores e aos riscos inerentes que estes representam. A recomendação de ontem integra-se na política global da Comissão com vista à adoção de medidas firmes contra estes regimes. O atual contexto da agressão russa contra a Ucrânia vem salientar, uma vez mais, estes riscos. Saiba mais aqui.

A presidente da Comissão Europeia Ursula von der Leyen e o presidente dos EUA, Joe Biden, reuniram, na semana transata, em Bruxelas. Comprometeram-se a trabalhar em conjunto para apoiar a segurança energética da Europa para os próximos invernos e a reduzir de forma sustentável a dependência energética da Europa em relação à Rússia, investindo na transição para as energias limpas. Saiba mais aqui

A Comissão lançou um convite especial no âmbito do Instrumento de Assistência Técnica (IAT) destinado a apoiar os Estados-Membros que acolhem refugiados da Ucrânia na sequência da invasão do país pela Rússia, bem como para a eliminação progressiva da sua dependência em relação aos combustíveis fósseis provenientes da Rússia. Saiba mais aqui

É já amanhã, dia 22 de março, que terá lugar a 5ª edição do "Seize the Summer with EURES" - um evento em formato online centrado nas necessidades de recrutamento sazonal (época primavera/verão 2022) no “cluster” do Turismo, Hotelaria e Restauração.

Obtenha mais informação e faça a sua inscrição aqui.

Lançámos, no início do 8.º Fórum da Coesão, a plataforma #Kohesio, uma plataforma pública em linha que reúne toda a informação sobre mais de 1,5 milhões de projetos nos 27 Estados-Membros financiados pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER), pelo Fundo de Coesão e pelo Fundo Social Europeu (FSE) desde 2014. Saiba mais aqui.

A Comissão lançou uma consulta pública a fim de recolher pontos de vista e experiências de todas as partes relevantes sobre o futuro Ato legislativo relativo à ciber-resiliência europeia. Saiba mais aqui

A Comissão Europeia propôs as linhas gerais de um plano para tornar a Europa independente dos combustíveis fósseis russos muito antes de 2030, começando pelo gás, perante a invasão russa da Ucrânia. Saiba mais aqui

A União Europeia adotou sanções contra os meios de desinformação e manipulação da informação do Kremlin. A presidente Ursula von der Leyen declarou o seguinte: «Nestes tempos de guerra, as palavras têm importância. Estamos a assistir a uma campanha de propaganda e de desinformação massiva sobre este ataque revoltante a um país livre e independente. Não permitiremos que os apologistas do Kremlin difundam as suas mentiras tóxicas para justificar a guerra de Putin ou para lançar sementes de divisão na nossa União.» Saiba mais aqui