De 8 a 11 de dezembro os unidos.eu, juntamente com o Parlamento Europeu e a Comissão Europeia em Portugal, vão marcar presença na Comic Con Portugal 2022 para assinalar o Ano Europeu da Juventude e mostrar como, unid@s, podemos construir um futuro melhor para a Europa.

Vem descobrir quais os superpoderes que podes ganhar ao participar nas várias iniciativas da União Europeia para os jovens!

Saiba mais aqui.

Na sequência da adoção do Acordo de Parceria 2021-2027 com Portugal, a Comissão adotou o programa para Portugal do Fundo Europeu dos Assuntos Marítimos, das Pescas e da Aquicultura (FEAMPA) Ver esta ligação noutra língu,, a fim de implementar a política comum das pescas (PCP) da UE e as prioridades políticas da UE definidas no Pacto Ecológico EuropeuVer esta ligação noutra língua. A dotação financeira total para o programa português no período 2021-2027 é de 539,9 milhões de euros, dos quais a contribuição da UE ascende a 392,6 milhões de euros.

Saiba mais aqui.

A energia é responsável por mais de três quartos das emissões de gases com efeito de estufa da União Europeia (UE). Abrange a produção de eletricidade, o aquecimento e os transportes, ou seja, todos os setores essenciais ao nosso quotidiano. O aumento das energias renováveis é fundamental para reduzir drasticamente as emissões do setor energético e alcançar a ambiciosa meta da UE de neutralidade climática até 2050.

O desenvolvimento de fontes de energia renováveis é também uma forma de os países da UE serem menos dependentes das importações de energia e menos vulneráveis às perturbações que podem afetar os preços.

Paralelamente, a UE está a trabalhar em medidas de poupança de energia.

Saiba mais aqui.

A Comissão propõe hoje novas regras a nível da UE em matéria de embalagens, a fim de combater esta fonte crescente de resíduos e a frustração dos consumidores. Além disso, proporciona clareza aos consumidores e à indústria em matéria de plásticos de base biológica, compostáveis e biodegradáveis e adotou uma proposta relativa a um primeiro quadro voluntário à escala da UE para certificar de forma fiável as remoções de carbono de elevada qualidade. Saiba mais aqui.

No sábado, dia da memória do Holodomor, Ursula von der Leyen, presidente da Comissão Europeia, participou no evento «Cereais da Ucrânia», organizado pelo Governo ucraniano. A presidente manifestou o pleno apoio da Comissão a esta iniciativa ucraniana destinada a encaminhar produtos alimentares ucranianos para os países mais afetados pela crise alimentar mundial originada pelo Kremlin.

 «A Ucrânia está a demonstrar um empenho inabalável na segurança alimentar mundial, na responsabilidade internacional e na solidariedade para com os mais necessitados. E estamos ao vosso lado. É muito importante assinalar hoje ao mundo que não vamos abandonar os nossos parceiros mais vulneráveis. É por isso que tenho o prazer de anunciar o apoio da Comissão Europeia ao carregamento de dois navios com cereais. Pagaremos o transporte de 40 000 toneladas de cereais, que é a quantidade remanescente por vós disponibilizada. Fá-lo-emos custe o que custar», afirmou a presidente.

Saiba mais aqui.

Que desafios e oportunidades existem para que a pecuária extensiva continue a contribuir para a biodiversidade e soberania alimentar, no sul da Europa? Como pode esta prática estar melhor adaptada às alterações climáticas? De que forma contribui para a mitigação? Estas são algumas das questões que vão guiar o seminário online, que decorre no dia 29 de novembro, das 9:00 às 12:00, organizado no âmbito do projeto LIFE LiveAdapt.

Com o título “Pecuária Extensiva: Desafios e Contributos para a biodiversidade e adaptação às alterações climáticas”, o seminário online será uma oportunidade de escutar dois membros do Parlamento Europeu, Isabel Carvalhais (PT) e Maria Eugenia Palop (ES), sobre os seus esforços para o reconhecimento da pecuária extensiva enquanto motor de desenvolvimento rural. Serão apresentados os resultados do projeto LiveAdapt e, com a presença de dois representantes da Comissão Europeia, das Direções-Gerais de Clima e da Agricultura, será discutido o papel da pecuária extensiva no cumprimento das metas europeias para a Biodiversidade, Clima e para a estratégia do Prado ao Prato.

O seminário é organizado pela Associação de Defesa do Património de Mértola (ADPM), no âmbito do projeto LIFE LiveAdapt, financiado pelo programa LIFE da União Europeia. O evento vai decorrer na plataforma ZOOM, em inglês, a participação é gratuita mas a inscrição é obrigatória, através do formulário em https://bit.ly/extensivelivestockseminar.

Saiba mais aqui.

Convite de sessão dia 30 novembro:

No dia 30 de novembro, entre as 14h30 e as 17h30 realizar-se-ão, na Escola Profissional de Cuba, várias sessões destinadas aos setores do Ensino Escolar (EE), Ensino e Formação Profissional (EFP) e Educação de Adultos (EA) dinamizadas pela Agência Nacional Erasmus+ Educação e Formação, no âmbito da divulgação do Convite para a apresentação de candidaturas para 2023. 

Inscreva-se aqui: https://tinyurl.com/bp8rv277 até ao dia 25 de novembro às 12h00.

O Parlamento quer novas regras da UE para garantir que as empresas sejam responsabilizadas quando as suas ações prejudicam as pessoas e o planeta.

No dia 10 de novembro, o Parlamento Europeu chegou a um acordo sobre a sua posição no que refere às novas regras de responsabilidade empresarial. O Parlamento está a favor de uma lei que obrigue as empresas da União Europeia) a trabalhar nos aspetos das suas cadeias de valor que possam afetar os direitos humanos, o ambiente e as normas sociais. Saiba mais aqui.